As 10+ coisas que mais me irritam no trato com o cliente

postado em 18 de setembro de 2013

mesafinger1111111

Adoro cozinhar e fico super feliz e animada quando faço eventos. Curto mesmo! Mas lidar com clientes de buffet é uma parte difícil, lidar com pessoas é difícil, temos de ter tato e muita paciência, afinal o cliente tem de estar satisfeito para poder te indicar e contratar seu serviço outras vezes.

Separei algumas “pérolas” que já aconteceram comigo e escrevi o texto abaixo mais como diversão, mas também como desabafo.

Quer trabalhar com buffet, se prepare!

Ao telefone

1. Eu pergunto: Para quantas pessoas será o seu evento?
O cliente responde: ” Não sei.”
Mas são 30 convidados, 100? mil???

2. Eu pergunto: Qual o horário da festa? De manhã, à noite?
O cliente responde: “Ainda não me decidi.”
Penso: Como assim? O que você tem em mente???
Mas explico com carinho que cardápios para manhã são diferentes dos da hora de almoço, coquetel, etc. E tento arrancar uma resposta!

3. Estou em casa rezando para aparecer um evento. Liga uma cliente e eu fico toda feliz.
Aí a cliente fala: Quero contratar um buffet para eu e meu namorado.
Com delicadeza, mas me mordendo de decepção, indico uma deli ou um personal chef.

4. O cliente suplica: Quero um evento para amanhã de manhã.
Se estiver muito dura e tiver tempo na madrugada para trabalhar eu aceito. Mas adoraria mesmo mandar “praquele” lugar…

5. O cliente pede: Você pode me enviar o orçamento de café da manhã, chá da tarde, coffee break, finger food, coquetel 1,2 ,3 4, 5,… ? Para 30, 40, 50 100 pessoas????
Respiro fundo…

Antes do evento

6. O evento é amanhã. A cliente liga e pede para mudar a data. Tudo bem, mas a comida está toda pronta. Eu espero, a comida não.

7. A cliente liga 50 vezes querendo trocar o cardápio. No final volta atrás e fecha o cardápio inicial.

Durante o evento

8.  A cliente ordena: “Preciso que você sirva uns salgadinhos que minha sogra trouxe, comprei champanhe, whisky, vodka…”
Eu penso: ” Tudo bem, vou servir whisky no copo de refri. E sem gelo!”

9. 70 pessoas chegam para almoçar. A cliente pagou por 40 e está reclamando que a bebida é pouca.

10. O evento começa às 10:00. O cliente quer atrasar para às 12:30. Como assim um café da manhã na hora do almoço?

11. A pessoa que contratou o buffet ultra mega econômico por falta de verba não está presente no evento corporativo. A encarregada fala ” É essa a comida? Não tem caviar? Salmão? Champanhe Cristal?

DICA

Não dá para evitar transtornos antes do evento, mas ao fechar com o cliente faça um contrato para que tudo fique combinado por escrito e deixe tudo muito claro. Cumpra a sua parte, e se por acaso algo não der certo por causa do cliente você está resguardado.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Arquivado em: Dicas

Comentários

8 Respostas para “As 10+ coisas que mais me irritam no trato com o cliente”
  1. rosa maria disse:

    inclua” cliente chora chora para você baixar o preço e gasta o dobro com flores e com bexigas… comida não vale nada…
    uma vez o cliente pediu um almoço… chorou o preço, chegou de bmw e deu um carro de presente para a aniversariante

  2. SUELI disse:

    eu TI NHA FLORICULTURA E ERA BEM ESTRESSANTE SE O VASO TAVA DECORADO DE VERMELHO ELES QUERIAM AMARELO,PEDIAM PRA FAZER COROA DE MADRUGADA E AINDA PRA PAGAR DEPOIS .MAIS EU AMAVA O QUE FAZIA, COMO ME ENCANTO COM O MUNDO DA GASTRONOMIA E PARANDO PRA PENSAR AS VEZES TAMBEM EXTRESSAMOS OS OUTROS.UM BJO E MUITA PACIENCIA E SUCESSO.

  3. admin disse:

    kkkk Tem toda razão Rosa, tem mais essa!!!

  4. admin disse:

    Obrigada Sueli! Paciência para todos nós!

  5. alanderson disse:

    Boa dia/tarde/noite a todos, trabalho como maitrê de alguns buffet´s aqui no interior e posso dizer que sempre o que mais incomoda é o que fica “dito pelo não dito” entre o contratado e o contratante, por exemplo: O contratado antecipando na venda de um “coquetel” que a pista poderá ficar desguarnecida e propõe uma mesa de frios ou algo do gênero para acompanhar a pista e possível “open bar”, o cliente “não” fecha e o contrato é firmado. Chego no belo dia da festa a montagem é feita a cozinha está a todo vapor, garçons na correria quando chega o cidadão e argue a respeito da mesa que segundo ele foi contratada, consulto o cardápio e nada consta, consulto o dono do buffet e ele responde que nada foi fechado!!! Fico nesse foi, não foi e haja jogo de cintura para amenizar os ânimos dos contratantes/parentes/vizinhos/papagaios ( rsrs) e nesse momento fico na berlinda pois qualquer detalhe no serviço servirá de expiação da ira dos noivos/pais etc… Nesse momento, o pessoal de cozinha, garçons e serviço será vistoriado sem descanso em busca de possíveis falhas que possam ocasionar uma retaliação e possível desconto ou mesmo processo, é como disputar uma corrida sobre ovos..kk

  6. DANI VEREZA disse:

    AMEI… VC TRADUZIU TUDOOOOO… É UMA LUTA DIÁRIA !!! RSRSRS

  7. admin disse:

    Tem toda razão Alanderson! Tudo deve estar bem claro, o dito pelo não dito sempre vai sobrar para quem trabalha na hora da festa!
    abçs e obrigada por comentar

  8. admin disse:

    hehehehe Dani! É uma luta mesmo!
    bjs

Deixe um comentário